top of page

The artist Dangello releases his first digital album, on the DJMUSIC REC


A nossa equipe jornalística teve a honra de bater um papo com o mesmo e saber detalhes sobre esse primeiro trabalho musical

O que eleva a sua carreira com DJ e produtor no continente Europeu.


Dangello, quantos anos de carreira?


E aí DJMUSIC, essa é uma pergunta difícil de contabilizar e a razão é a seguinte. Eu comecei como músico aos meus 16 anos tocando primeiro a bateria e depois fui para a viola baixo, nessa altura as bandas (grupos de música) eram mais usuais. Foi uma época muito boa e desde essa hora que a musica entrou na minha forma de comunicar. Infelizmente não mantive as bandas durante todo esse tempo, tive vários grupos e toquei com muita gente mesmo. Em 2013 tive um amigo que também era DJ e ele me apresentou as ferramentas de discoJokey. Ele tocava com traktor um software para PC para poder mixar e isso me apaixonou desde o primeiro minuto pois percebi que poderia fazer musica com vários Decks ao mesmo tempo. Dito isto posso dizer que tenho 35 anos de carreira com musico e estou este ano nos meus 10 anos como DJ.





Quais são as suas influências músicas.


Curiosa a sua pergunta pois sempre que leio artigos essa pergunta aparece, no meu caso eu não tenho influencia de musicas mas sim de sons, ou seja, o que me faz ouvir uma musica ou um estilo são os sons que essa musica tem, é assim que escolho o que toco. Claro que para responder para vocês, estilos como o House Orgânico, o House Melódico, House Progressivo, Tribal e Tech me atraem para escutar. Gosto muito da batida 4 por 4 do House. Outra componente da pergunta seria as influencias em termos de produtores e nessa parte existem alguns nomes, como Monolink, Be Svendsen, Bedouin, BlackCoffee, Nicole Moudaber, Satori, Stravoz e tem um outro nome ai chamado Halley Seidel hehehehe.




O que você tem de expectativas para com esse primeiro trabalho e quais são os motivos para obter uma atmosfera tão groove e viajante?


Este meu trabalho tem uma história triste e ao mesmo tempo alegre. Deixa eu explicar para você a parte triste primeiro, a musica foi criada em agosto altura em que a minha mãe entrou no hospital, ela desenvolveu uma doença rara neurológica e foi tudo muito rápido. A musica é a minha comunicação de revolta em que numa parte os sons falam da tristeza do acontecido e por outro lado a raiva de eu não poder fazer nada para alterar a situação. Minha mãe faleceu recentemente e eu estou muito honrado de esta ter sido a minha primeira musica. A parte boa da historia é que a minha primeira musica tem um significado e que cada vez eu a ouvir estará lá sempre a dedicatória para ela. Alias no meu historial fica a primeira musica como produtor em homenagem a minha mãe e o meu nome de DJ foi a homenagem a meu Pai que se chamava Angelo, dai o meu nome ser dangellodj (uma marca registada). Sobre a segunda parte da sua pergunta, é bom saber que a musica tem atmosfera groove e viajante já que eu próprio estou a procurar o meu estilo de produção. Será sempre no formato do house pois é aí que o meu groove está já enraizado dada a minha vivência como musico.





Percebemos que você tem seu curriculum, uma cartilha musical e que possui domínio de dó, ré, mi, nela. Quais os instrumentos que você domina e tem preferência nas suas produções?


Sim, o meu background (passado) como expliquei anteriormente é de musico, alias estudei e tirei o grau de musico na escola de jazz de Lisboa. Aprendi a tocar o Saxofone, o piano, e a guitarra. De trás já trazia a viola baixo, a bateria e outros instrumentos de percussão. Nessa graduação aprofundei os meus conhecimentos em Contra-Baixo pois foi esse o instrumento de carreira. Actualmente nas minhas produções tenho uma atenção especial a parte rítmica e melódica. Gosto que compor um trabalho de percussão com um bom kick e baixo. Na parte melódica puxo instrumentos de cordas e synths, adoro as possibilidades de poder usar synth e de poder modificar os sons para que soem bem no meu ouvido. Disse produções pois já tenho mais dois temas prontos para sair e existe por aí um outro com parceria entre mim e um outro DJ muito conhecido que a vida me deu como amigo.




Quais seriam seus planos para o futuro com a música?


Na realidade não sei se consigo responder da melhor forma a pergunta. O que desejo é que a minha musica seja ouvida por esse mundo fora, que a mesmo provoque boa vibe nas pessoas que a vão escutar. Gostaria também de ter forca por muitos anos e poder levar esta arte que agora começou ate aos meus 70 ou mais. Um outro plano é que consiga pelo menos lançar uma musica por mês como produtor. Num outro plano quero continuar a colaborar com a DJMusicMag, um projecto muito interessante que tenho muito orgulho de participar e representar em Portugal. Sendo a DJMusicMag uma revista de musica electrónica faz todo o sentido incluir este desafio na minha carreira como musico/artista/Produtor, desde já te agradeço a ti Halley pelo convite e espero estar a altura do desafio. Como Dj quero continuar a tocar no meu estilo muito particular onde faço dos meus decks o meu instrumento e tenho o sonho de ir tocando por aí para quem goste de me ouvir. Na verdade na minha idade eu busco o reconhecimento e a ligação espiritual com o meu publico. Gostaria também o projecto do MyBackyardMusic tivesse uma boa aceitação. Trata-se de um projecto de parceria entre eu e o meu amigo Filipe, um conceituado RP (relações Publicas) na área da musica electrónica em Portugal, mas também de uma parceria alargada de um grupo de DJs onde reina a harmonia e amizade. O MyBackyard está a dar os primeiros passos em Portugal, vai ter um site em construção neste momento chamado MyBackyardMusic.com. Para além disso tenho um programa de radio que se estreou faz dois anos em Ibiza chamado MyBackyard by dangellodj que se está a expandir a outros países como a Holanda, Estados Unidos, Portugal e brevemente no brasil :)




Deixem uma mensagem para os leitores!


Em primeiro lugar quero agradecer a todos vocês que leram a reportagem já que deram um pouco do vosso tempo para me conhecer, em segundo lugar quero deixar uma mensagem de carinho para todos vocês e que a minha musica crie em vocês uma boa vibe. Para finalizar deixo um OBRIGADO a todos os que já me seguem e também a você Halley meu amigo pois todos contribuem para eu continuar a fazer o meu trilho neste mundo da musica eletrônica.



Confira mais:


Release

Artist @dangellodj


Track ID - Some Sad Times

exclusive @beatport link in bio @dangellodj

More : https://hypeddit.com/fl425j

Comentarios


bottom of page