top of page

'VIPER ROOM', A POLÊMICA BOATE DOS ANOS 90 DE JOHNNY DEPP




The Viper Room é uma discoteca localizada na Sunset Strip em West Hollywood, Califórnia, Estados Unidos. Abriu em 1993 e era parcialmente detida pelo ator Johnny Depp, enquanto a outra parte era de Sal Jenco, que era ator em 21 Jump Street juntamente com Depp.

O clube tornou-se famoso por ser um local de encontro da elite de Hollywood, e foi o local onde o ator River Phoenix morreu com uma overdose de drogas na noite de Halloween de 1993. No início de 1995, o ator e cantor australiano Jason Donovan sofreu aí uma overdose também, mas sobreviveu. Em novembro de 1997, a estrela australia de rock Michael Hutchence tocou pela última vez para o público no The Viper Room, apenas uma semana antes de cometer suicídio.

O The Viper Room tem tido várias alterações de donos, e continua a ser local de espetáculos musicais de múltiplos tipos, incluindo metal, punk rock, e rock alternativo.



The Viper Room está na lista dos lugares mais polêmicos — e queridinhos — das celebridades. Assim como o Studio 54e o hotel Chateau Marmont, o local coleciona escândalos, tragédias e histórias loucas vividas pelos maiores astros do cinema, da música e da moda.


(Johnny Cash, June Carter Cash e Johnny Depp no The Viper Room )

ÍCONE DOS ANOS 90

Inaugurado em 14 de agosto de 1993, o The Viper Room é uma casa noturna localizada na famosa Sunset Strip em West Hollywood, Califórnia, Estados Unidos. Parte do clube pertencia ao ator Johnny Depp, enquanto a outra parte era do também ator Sal Jenco. Logo que abriu, a casa noturna se tornou um dos lugares mais badalados da cidade, e na primeira noite, contou com apresentações da banda de rock Tom Petty & The Heartbreakers, do músico Shane MacGowan, do Pogues, e de Evan Dando, vocalista do Lemonheads. Com o tempo, as polêmicas e tragédias que aconteceram no local só aumentaram sua fama.

The Viper Room na famosa Sunset Strip. (Crédito: Reprodução)



(Vaper Room fechada no Halloween com Homenagens ao ator River Phoenix, A partir da morte do amigo de Johnny Depp, todo Halloween era tradição manter o club fechado em sua homenagem)


(O jovem ator River Phoenix.)


MORTES E TRAGÉDIAS

O Halloween de 1993 foi um marco na história da Viper Room. Isso porque, River Phoenix, irmão de Joaquin Phoenix, morreu no clube após ter uma overdose de drogas naquela noite. River tinha apenas 23 anos na época, e já era considerado um dos atores mais promissores de sua geração. Em 1995, enquanto curtia a festa de aniversário de Kate Moss, o cantor e ator australiano, Jason Donovan, sofreu uma convulsão devido ao uso de cocaína. Por sorte, ele sobreviveu. Já em 1997, o vocalista da banda INXS, Michael Hutchence, fez sua última apresentação pública no icônico clube de Johnny Depp. Uma semana depois, Hutchence se suicidou. Recentemente, a cantora Courtney Love revelou que Depp salvou sua vida em 1995, após ela ter uma overdose do lado de fora do clube.



(Kate Moss e Johnny Depp na casa noturna. )

JOGOS ILEGAIS

Além das noites regadas a bebidas e drogas, os jogos ilegais também eram destaque nas festas que aconteciam na casa noturna. No início dos anos 2000, o porão do Viper Room reunia diversos apostadores em mesas ilegais de pôquer, e a ex-esquiadora competitiva Molly Bloom era quem dirigia os jogos. Entre eles, estavam astros do cinema como Leonardo DiCaprio, Ben Affleck e o eterno Homem-Aranha, Tobey Maguire (aliás, a ideia dos jogos ilegais foi de Tobey).



(Steve Jones e Iggy Pop em uma presentação no The Viper Room, em 1995.)


O DESAPARECIMENTO DE ANTHONY FOX

Um grande mistério que envolve o Viper Room é o desaparecimento de Anthony Fox, o co-proprietário do bar. Em 1999, Anthony denunciou Johnny Depp à justiça alegando que o ator havia desviado milhões de dólares do clube. No entanto, faltando um dia para o depoimento de Fox no tribunal, ele desapareceu misteriosamente. Seu carro foi encontrado dias depois abandonado em Santa Clara, na Califórnia, mas o corpo de Anthony nunca foi encontrado. Em 2004, Johnny abriu mão de sua parte do Viper Room e passou para a filha de Fox.



(Anthony Fox e seu cartaz de desaparecido, o caso segue sem conclusão)







FREQUENTADORES E SHOWS

O clube foi frequentado pelas maiores celebridades de Hollywood, incluindo nomes como Jared Leto, Jennifer Aniston, Angelina Jolie, Drew Barrymore, Keanu Reeves, Lisa Marie Presley, Courtney Love, Pamela Anderson, Quentin Tarantino, Tim Burton, Charlize Theron, Paris Hilton, Stephen Baldwin e muito mais. Diversos artistas também se apresentaram na casa noturna, como Johnny Cash, The Strokes, Slash, John Frusciante, Iggy Pop, Juliette and the Licks e as Pussycat Dolls que, antes da fama, realizaram vários shows semanais no local.


(Hole e Courtney Love.)

O FIM DE UMA ERA

Apesar dos anos de sucesso e da marca que deixou em Hollywood, foi recentemente anunciado que o Viper Room será demolido. O local dará espaço para um prédio residencial com cafés, restaurantes e um hotel de luxo.


LAST NIGHT AT THE VIPER ROOM

No livro "Last Night at the Viper Room: River Phoenix and the Hollywood He Left Behind", o escrito e jornalista Gavin Edwards conta detalhes sobre a vida de River Phoenix e sobre a precoce morte do ator no Viper Room.

A boate também e suas histórias, foram utilizadas no filme "A Grande Jogada", onde a boate é chamada de "Cobra Lounge".






Fontes:

bottom of page